OPORTUNIDADES PARA O TRANSPORTE FERROVIÁRIO DE PASSAGEIROS

Em 1996, quando a malha ferroviária nacional foi privatizada, o povo brasileiro e suas cargas de varejo foram jogados nas rodovias, de onde nunca mais saíram. Todo o sistema de transporte ferroviário de passageiros que atendeu a Nação brasileira durante um século e meio foi desmontado, e a população passou a conviver com a insegurança das rodovias, enquanto o transporte ferroviário barato e seguro foi reservado ao minério e a soja. Se o povo brasileiro e seus representantes não se mobilizarem não haverá nenhuma esperança de que esta situação mude, as concessionárias colocam o lucro em primeiro lugar, não se interessam por passageiros, e as novas linhas anunciadas pelo governo federal evitam as cidades e se dirigem apenas a portos. Como se não bastasse este quadro, a ANTT neste mês de julho de 2013 produz a Resolução 4.131, na qual a concessionária Ferrovia Centro Atlantica – FCA é autorizada a abandonar cerca de 4.000 km de linhas prontas, a maioria ainda funcionando, apenas porque nelas não se enxerga clientes de grandes cargas. Este fato pode ser o golpe de misericórdia em grande parte do sistema ferroviário nacional, fechando definitivamente a porta ferroviária para centenas de cidades, e milhões de cidadãos que pagam impostos.

Mas pode ser uma oportunidade de ouro para termos de volta o trem servindo a sociedade, inclusive com a volta de trens de passageiros. Duas audiências na ALMG discutirão  todas as implicações para a sociedade mineira decorrentes deste quadro que é ao mesmo tempo lamentável e alvissareiro, e proporão ações concretas para que ele possa ser mudado para o bem e usufruto das pessoas e não apenas de empresas.

A primeira audiência será a 24ª  Reunião Extraordinária da Comissão de Assuntos Municipais e Regionalização, presidida pelo deputado Paulo Lamac, tendo como convidado o coordenador da frente parlamentar de ferrovias, deputado federal Pedro Uczai.

A reunião irá debater o resgate do transporte ferroviário no estado de Minas Gerais, especialmente o transporte ferroviário de passageiros, principalmente o trecho entre Belo Horizonte e Conselheiro Lafaiete.

Autor do requerimento : deputado Rogério Correia.

Auditório da Assembléia Legislativa de Minas Gerais – Andar SE

Dia  06 de dezembro de 2013, sexta-feira, 14:00 h

A segunda audiência será a Reunião Extraordinária – Comissão de Transporte, Comunicação e Obras Públicas,presidida  pelo deputado estadual Adalclever Lopes.
Local: Auditório
Finalidade: Debater a possibilidade de utilização dos trechos ferroviários devolvidos pela Ferrovia Centro-Atlântico no transporte de passageiros.

Lançamento  da Frente Parlamentar em Defesa do Transporte de Passageiros em Minas Gerais, por iniciativa dos deputados João Leite e Ivair Nogueira.

Dia 10 de dezembro de 2013, terça-feira,10:00 h.

(Enviado por Francisco Oliveira/ONGtrem)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *